O meu ponto de vista

Julho 31 2008
Braço de ferro armado
Severidade mostrada
Palavra proferida
Sentimento omitido
Impressão aprisionada
Futuro adiado.

Hernâni de J. Pereira
publicado por Hernani de J. Pereira às 22:56

Julho 30 2008
Percorro, num frenesim desenfreado, as páginas dos jornais e blogs na internet, sem me deter, pois continuam a parecer iguais às de ontem, anteontem e atrás de anteontem.
Será que tudo já foi de férias?
Será que apenas eu estou por aqui?
E o raio do ficheiro que nunca mais entra no POPH/FSE! Para piorar “de Lisboa” ninguém ajuda. Pudera! Nem o telefone atendem e quando o fazem pedem para colocar o problema por correio electrónico.
E continuo à espera …

Hernâni de J. Pereira

ADENDA: Diga-se, em abono da verdade, que não estou sozinho. Acompanham-me, felizmente, nesta hora, um vice-presidente e duas assessoras.
publicado por Hernani de J. Pereira às 18:06

Julho 29 2008
Quero escrever algo para quem me lê!
Mas, meu Deus, o quê?
O cansaço extenuante deixa-me esvaído.
A imaginação desvanecida abandona-me enfraquecido.
Contudo, o desejo aperta.
O coração desperta.
E aí vou eu …
Alguém me espera.

Hernâni de J. Pereira
publicado por Hernani de J. Pereira às 23:08

Julho 28 2008
Só pensamos em férias.
Abre-se o jornal, vê-se os telejornais, ouve-se a rádio e tudo nos parece repetido, como estivéssemos a ver o mesmo filme várias vezes.
A parca paciência esgota-se às primeiras horas da manhã. O serviço faz-se mais por dever que por opção. Os papéis queimam-nos as mãos, os olhos desapegam-se das órbitas, como recusando o contacto com o ecrã do computador e o teclado balouça ao sabor da maresia que se anseia.
Vemos os outros de abalada, acenando um adeus rápido e fugaz. E a nostalgia instala-se lentamente, aumentando desejo de também partir.
E o dia 1 que nunca mais chega.

Hernâni de J. Pereira
publicado por Hernani de J. Pereira às 23:07

Julho 27 2008
Tarde quente.
Alguém ausente.
O rio corre manso a nossos pés.
Pessoas que estão, que passam.
O gelo que se derrete no copo, meio vazio, meio cheio.
Artigo de revista que não se lê.
Odores que se esfumam.
Pensamentos que vão e vêm.
A serenidade que volta.
É bom estar assim.

Hernâni de J. Pereira
publicado por Hernani de J. Pereira às 21:31

Julho 27 2008
Pampilhosa continua a agitada. Por bons motivos, entenda-se. Ontem, mais um evento, de forte pendor cultural, encheu de gente o largo principal da vila. Referimo-nos, concretamente, ao festival de folclore promovido pelo Grupo Folclórico e Etnográfico de Pampilhosa do Botão.
Como não podia deixar de ser o Agrupamento de Escolas de Pampilhosa, mais uma vez, teve a honra de colaborar com esta importante iniciativa, cedendo o seu refeitório para o serviço de jantar que foi oferecido aos Ranchos/Grupos que, de todo o país, nos visitaram.
E, na companhia do Sr. Presidente da Câmara Municipal e do Sr. Presidente da Junta de Freguesia, este vosso escriba, na qualidade de Presidente do Conselho Executivo do Agrupamento de Escolas, foi chamado ao palco com vista a entregar lembranças aos grupos visitantes, o que muito nos distinguiu.
Fica, aqui, expresso um abraço ao Sr Branco e demais elementos da direcção por este gesto que, repetimos, tanto nos enalteceu.

Hernâni de J. Pereira
publicado por Hernani de J. Pereira às 21:12

Julho 23 2008
Têm sido semanas muito difíceis, mas também de uma enorme satisfação. O trabalho surge em catadupa, ininterruptamente. Parece que uma ocupação arrasta outra, sucessivamente, até quase à exaustão.
O que nos vale, porém, é que somos daqueles que acreditam que quanto maior é a dedicação e o desempenho maior aprazimento sentimos.
Por isso, diariamente, apresentamos um sideral tão alto. Muitos não compreendem o porquê de tal luz. E a inveja de alguns, sinal de fraqueza, demonstra isso mesmo.
Contudo, a explicação para tal estado de alma é simples. Trata-se, única e simplesmente, de agir seriamente e de forma honesta.
Não renunciámos, não rejeitamos, nem abdicaremos de tornar este país digno dos nossos vindouros.

Hernâni de J. Pereira
publicado por Hernani de J. Pereira às 22:46

Julho 19 2008
Na vila de Pampilhosa estão a decorrer as festas anuais em honra da sua padroeira, Santa Marinha, este ano da responsabilidade da sua quase centenária Filarmónica Pampilhosense.
E, esta, numa iniciativa, a todos os títulos meritória, fez a apologia do enfeitamento das ruas, fazendo ressurgir uma tradição que, de certo modo, se estava a perder.
Foi com enorme prazer que aceitei o amável convite que aquela agremiação me endereçou, a fim de fazer parte do júri de apreciação do embelezamento das ruas da Pampilhosa.
Tal convite, para além de, pessoalmente, me honrar, enobreceu igualmente o Agrupamento de Escolas de Pampilhosa, na figura do seu Presidente, demonstrando, deste modo, a forte interligação que existe entre a Escola e a comunidade que serve.
Tive, assim, a grata oportunidade de percorrer todas as ruas e contactar, de um modo singelo, com os seus moradores, notando o quanto é apreciada a actuação da Escola e da sua direcção.
Esta iniciativa, acompanhada por vários jornalistas, terá o seu epílogo, na próxima segunda-feira, com a divulgação da classificação e da respectiva atribuição dos prémios.

Hernâni de J. Pereira
publicado por Hernani de J. Pereira às 23:27

Julho 19 2008
Atiram pedras? Quais pedras?
Dizem mal? Não se ouve nada!
Detestam? Só se notam sorrisos!
Insuportável? Adoram!
Irredutível? Rege-se por convicções!
Mau gestor? Asseguram que não há melhor!
Defeito? Sim. Ter razão antes do tempo.

Hernâni de J. Pereira
publicado por Hernani de J. Pereira às 11:18

Julho 13 2008
Ingrid Betancourt, antiga candidata à presidência da Colômbia, prisioneira das FARC, durante seis longos anos, na imensa e inóspita selva, afirma que suportou as dores do cativeiro graças à sua inquebrantável fé em Deus e em Nossa Senhora.
Não é por acaso que numa recente entrevista afirmou “um dia compreendi que tinha de me oferecer ao Sagrado Coração e fiz esta promessa «Meu Jesus, se me anunciares a data em que vou ser libertada no decorrer do mês de Junho, que é o teu mês, serei tua …» E foi no dia 27 de Junho que um comandante nos mandou preparar os sacos … Nessa altura, pensei: «Jesus cumpriu, estou a viver um milagre»”
Isto deve fazer a maior confusão na cabeça de muita gente. A muitos pode nada dizer ou até troçarem.
A mim toca-me profundamente e é com imensa emoção que leio estas declarações simples mas tão cheios de significado.

Hernâni de J. Pereira
publicado por Hernani de J. Pereira às 14:28

Análise do quotidiano com a máxima verticalidade e independência possível.
hernani.pereira@sapo.pt
Julho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

14
15
16
17
18

20
21
22
24
25
26



arquivos

Julho 2021

Junho 2021

Maio 2021

Abril 2021

Março 2021

Fevereiro 2021

Janeiro 2021

Dezembro 2020

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO