O meu ponto de vista

Março 27 2006
Recentemente recebi uma carta do Sindicado Português dos Engenheiros (SPE) na qual, a determinada altura, se pode ler
"Os serviços administrativos do SPE estão a proceder a uma total reorganização dos processos individuais dos associados constantes do seu ficheiro e constataram com estranheza (!!! - pontos de admiração meus) o prolongado período de tempo ocorrido após a sua última liquidação de quotas.
Assim, cumpre-nos informar que o Colega tem um débito de quotização acumulado que perfaz a quantia de 1 646,40 €, referente ao período de 1985-04 a 2006-03.
(...)
O pagamento deverá pois ocorrer nos próximos 15 dias, findo os quais, caso persista no não pagamento, o seu processo será entregue ao nosso serviço de contencioso."

Posto isto, três questões devem ser colocadas:
- Durante o tempo citado anteriormente nunca recebi um folheto, um cartão, etc., a não ser, há cerca de nove/dez anos, uma carta semelhante a solicitar-me uma determinada quantia, já naquela altura bastante grande.
- Claro que tenho em meu poder documentos que comprovam, através de registo, ter-me desvinculado daquela estrutura sindical. Só necessito de me dar ao trabalho de os procurar nas inúmeras pastas espalhadas pelo sótão, cave, etc.
- E se tais documentos não tivessem sido guardados?

Termino com um lamento: como foi possível a criação deste tipo de sindicalistas? E falam do patronato! Ah! Que ricos sindicalistas ... exploradores da classe operária!

Hernâni de J. Pereira
publicado por Hernani de J. Pereira às 23:54

Março 13 2006
Recebi um e-mail simpatiquíssimo do meu caro amigo Prof. Doutor David Justino, solicitando que rectfique o meu post-it de ontem, uma vez que a assessora para a educação do Presidente da República é a Drª Suzana Toscano.

Ele, pelo seu lado, foi nomeado assessor para os assuntos sociais. Compreende-se.

Porém, num cargo ou noutro, o que importa é que o mérito é reconhecido.

Hernâni de J. Pereira
publicado por Hernani de J. Pereira às 20:18

Março 12 2006
No dia seguinte à tomada de posse do novo Presidente da República, Prof. Cavaco Silva, tomei conhecimento que o meu ilustre amigo Prof. David Justino, ex-ministro da educação do governo de Durão Barroso, foi convidado para assessorar aquele a nível da educação.

Já tive oportunidade de, em privado, lhe endereçar os merecidos parabéns.

No entanto, publicamente não quero deixar também de o fazer, uma vez que se trata de um dos nossos políticos mais bem preparados no âmbito da educação e que tão injustiçado foi.

Quem não se lembra da problemática dos concursos de professores de 2004/2005? Quem foi vergastado na praça pública sem possibilidades mínimas de defesa? A não ser meia dúzia de pessoas, onde humildemente me encontrava, que não acreditaram que David Justino tivesse danificado de propósito, e por várias vezes, o sistema informático, os «media» e até muitos políticos bem falantes da nossa praça tudo fizeram para o queimar vivo.

Aliás e a talhe de foice, este caso recorda-me um outro semelhante, isto é, o de Leonor Beleza. Alguém, no seu perfeito juízo, acredita que esta tivesse adjudicado deliberadamente sangue contaminado com o fim de infectar os doentes hemofílicos?

Qual o governante/gestor que não gostará de ver todas as medidas preconizadas por si correrem o melhor possível?

A terminar, reitero o envio dos mais sinceros encómios, certo de que o país só tem a ganhar com homens de tal mérito. Afinal, a verdade é como o azeite: vem sempre ao de cima.

Hernâni de J. Pereira
publicado por Hernani de J. Pereira às 22:13

Março 12 2006
A propósito do congresso do PSD que se irá realizar no próximo fim-de-semana, participei, como militante, na eleição dos dois delegados da concelhia de Anadia àquele evento.

Até aqui tudo normal. Nada a registar. O problema surge com o facto de, pelo menos, um dos elementos da mesa fazer parte da única lista concorrente.

Não quero dizer com estas palavras que o acto não decorreu na maior legalidade. Porém, em termos de ética, o elemento em causa, deveria ter pedido escusa do lugar. É que “à mulher de César não basta ser séria, é preciso parecê-lo”.

Também aqui são necessários actos de cidadania. E as forças partidárias têm, de uma vez para sempre, de dar o exemplo.

Hernâni de J. Pereira
publicado por Hernani de J. Pereira às 21:41

Março 10 2006
Com um dia de atraso eis o meu comentário sobre tão digno e importante acto.

Antes de mais, tomou posse um grande homem e um brilhante político. O país irá, sem margem para dúvidas, ficar-lhe agradecido, tal é a sua postura, empenho e dedicação que coloca no serviço da causa pública.

Apoiante da primeira hora, tal como, em tempos, aqui escrevi, resta-me desejar-lhe felicidades, para seu bem e para bem de todos nós.

Hernâni de J. Pereira
publicado por Hernani de J. Pereira às 23:10

Análise do quotidiano com a máxima verticalidade e independência possível.
hernani.pereira@sapo.pt
Março 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
28
29
30
31


arquivos

Outubro 2021

Setembro 2021

Agosto 2021

Julho 2021

Junho 2021

Maio 2021

Abril 2021

Março 2021

Fevereiro 2021

Janeiro 2021

Dezembro 2020

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO